História da Fotografia – Parte 9 de 10

Fotografia Digital

Em 1964 a empresa americana RCA criou em seus laboratórios o primeiro circuito CMOS[1], e em 1969 o Bell Labs (laboratório de desenvolvimento de novas tecnologias da empresa americana AT&T) desenvolveu o primeiro CCD[2] que teve sua primeira versão comercial lançada em 1973 com captura de imagens a uma resolução de 0,01M pixels.

Usando este mesmo CCD, em 1975, um engenheiro da Kodak desenvolveu o primeiro protótipo de câmera digital. Pesava 4Kg e gravava imagens em uma fita cassete.

História da Fotografia - CCD Kodak

1o Protótipo de Câmera Fotográfica Digital, Kodak, 1975

Em 1981 a Sony lançou a primeira câmera Mavica (Magnetic Video Camera). Esse modelo era na verdade o primeiro modelo comercial de câmera eletrônica de fotografias.

Não era ainda uma câmera digital, pois seu CCD produzia na verdade um sinal de vídeo analógico no formato NTSC com resolução de 570×490 pixels. A Mavica armazenava até 50 fotos em cada Mavipak (disquetes de 2 polegadas) e custava em torno de US$ 12 mil. As imagens eram mostradas em uma televisão. Mesmo assim essa câmera é considerada como a pioneira da era digital.

História da Fotografia - Sony Mavica

Sony Mavica, 1981

A grande sensação das imagens digitais aconteceu durante as Olimpíadas de Los Angeles, em 1984. A Canon utilizou seu protótipo de câmera de vídeo estático (tecnologia similar a Mavica) e fez parceria com o jornal japonês Yomiuri Shimbum e transmitia as imagens, via telefone, para o Japão de fotos de 0,4 MP. As imagens levavam meia hora para chegar, e deram um banho nos outros jornais, que dependiam de aviões para levar os filmes.

As primeiras câmeras digitais a serem lançadas no mercado de consumo foram Apple QuickTake 100 (1994), Kodak DC40 (1995), Casio QV-11 (com um monitor LCD, em 1995), e Sony’s Cyber-Shot Digital Still Camera (1996); todas elas comunicavam-se com computadores pessoais via cabo serial.

A Kodak DCS-100 foi à primeira câmera digital SLR, ou DSLR. Foi lançada em 1991 pela Kodak que usou o corpo da Nikon F3 (Câmera SLR de filme) como base para desenvolvimento deste modelo. Infelizmente ela não era muito prática, pois toda a parte do processamento digital e armazenamento das imagens eram realizados por um módulo a parte que trabalhava conectado através de um adaptador que ia acoplado à câmera analógica. Sem dúvida era um avança, mas ainda não era um produto novo, apenas uma adaptação.

História da Fotografia - Kodak DSC-100

1a DSLR, Kodak DSC-100, 1991

Entretanto, essa parceria Nikon/Kodak rendeu frutos e em 1999, a Nikon lançou a sua primeira DSLR, chamada Nikon D1. A Nikon D1 usava um sensor do tipo APS-C e gerava imagens com qualidade suficiente a um preço viável. Essas características mais a agilidade que a tecnologia digital proporciona foram o bastante para interessar fotógrafos profissionais, principalmente fotojornalistas e fotógrafos de esportes.

História da Fotografia - Nikon D1

Nikon D1, 1999

[1] Complementary Metal-Oxide Semiconductor (semicondutor metal-óxido complementar) tecnologia de circuitos integrados que substituiu a antiga tecnologia de válvulas eletrônicas.

[2] Charged-coupled Device, componente fundamental na transformação de sinais elétricos em informação digital.

(continua)

Anúncios

DEIXE UM COMENTARIO - LEAVE A REPLAY

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s