Berlim

Em 8 de Junho de 2006, 69 mil pessoas assistiram a Itália sagrar-se campeã diante da França, no Estádio Olímpico de Berlim. Na Copa de 2006, a Alemanha jogou 2 vezes neste estádio, a segunda vez vencendo a Argentina pelas Quartas de Final. Neste mesmo estádio, pela Copa do Mundo de 1974, o Chile jogou 2 vezes contra a Alemanha pela fase de chaves…como assim!? Chile x Alemanha OCIDENTAL em 14 de Junho e Chile x Alemanha ORIENTAL em 18 de Junho. O Estádio Olímpico foi inaugurado em 1936, para as Olimpíadas daquele ano; ele veio substituir o Estádio Alemão, construído em 1913 para as Olimpíadas de 1916, que foram canceladas devido a 1ª Guerra Mundial.

Se você quiser um resumo da história mundial do século XX você deveria ler a história de Berlim desta mesma época. Se você quer um resumo ainda mais conciso, basta conhecer o Estádio Olímpico de Berlim. Construções, Duas guerras mundiais, destruição, uma nação/mundo divididos em dois, reconstruções, unificação. Mas se limitar apenas ao Estádio Olímpico seria um desperdício enorme de cultura e entretenimento.

Memorial do Holocausto 3

Memorial do Holocausto

Berlim é a capital da Alemanha, com 3,5 milhões de habitantes, é a maior cidade do país e uma das maiores da Europa. Cerca de 1/3 de sua área é coberta por florestas, parques, jardins, rios e lagos. É uma cidade global, com 147 embaixadas estrangeiras e representantes de mais de 190 nações. Um centro europeu e mundial de cultura, política e ciência. Sua atuação de destaque mundial no passado e no presente a tornam um dos destinos turísticos mais importantes do mundo.

A história, por sinal tem lugar de destaque nos roteiros turísticos da cidade. São mais de 170 museus, sendo os mais importantes um conjunto de cinco museus localizados na Museumsinsel, uma pequena ilha localizada no rio Spree que corta a cidade. Catedrais e universidades centenárias, antigos palácios e prédios governamentais modernos se misturam na arquitetura de Berlim. A cidade é relativamente baixa, são bem poucos arranha-céus entre um mar de pequenos prédios baixos, todos com três andares de altura, residenciais ou comerciais. Esse fator contribui para uma vista panorâmica excelente em todas as direções do alto das torres das catedrais, acessíveis ao público. Mais o melhor local de observação da cidade é sem dúvida a Berliner Fernsehturm, uma torre de TV de 368 metros de altura, com um restaurante e um observatório no topo em forma de bola que sustenta as diversas antenas de transmissão.

Sendo a capital de um país referência na indústria automobilística mundial, era de se esperar um trânsito caótico, como em outras metrópoles do mundo, mas não é o caso. O fantástico sistema de transporte coletivo composto por eficientes rotas de ônibus, metrôs subterrâneo e elevado, trens de superfície e diversas estações de trens nacionais e internacionais e até mesmo um sistema de transporte hidroviário que percorre os diversos canais que cruzam a cidade, complementado por uma imensa malha ciclo viária, contribuem para que o trânsito em Berlim seja relativamente calmo e ordeiro. Bom, ordeiro certamente seria em qualquer situação, afinal estamos falando de uma cidade alemã, mais tranquilo é que é o espantoso.

Trabi World

Trabi World – Passeios de Trabant

A verdade é que carro é um bem desnecessário em Berlim. Chega-se na hora e com conforto em qualquer parte da cidade usando o transporte público, à qualquer hora do dia e da noite. A malha ciclo viária cobre praticamente toda a cidade e por todo canto vê-se pessoas andando de bicicleta, vestidas para trabalhar, carregando compras nos cestinhos ou simplesmente à passeio e muitas vezes puxando um trenózinho com uma criança. E se ficar cansado ou furar um pneu, basta entrar no ônibus ou metrô com a bicicleta.

São poucos shoppings, sendo os mais importantes a loja de departamentos KaDeWe, o Quartier 206 e uma filial da famosa loja francesa Galeries Lafayette. A região central de Berlim, conhecida por Mitte, concentra um grande número de lojas dos mais diversos tipos, assim como as avenidas em sequência Tauentzienstraße – onde se localiza a KaDeWe – e a Kurfürstendamm. A avenida Kurfürstendamm é muito longa e todas as grandes marcas mundiais possuem lojas nesta avenida; roupas, artigos esportivos, eletrônicos, bares, cafés e restaurantes além das marcas de altíssimo luxo.

O maior parque da cidade, o Tiergarten, era o antigo local de caça da realeza do Reino da Prússia, hoje é um enorme jardim com diversos caminhos e áreas gramadas entre muitas árvores onde os alemães costumam caminhar, se exercitar ou simplesmente relaxar ao sol no verão. O Tiergarten começa no Portão de Brandemburgo, que marca o início da região do Mitte. Dentro da área do Tiergarten fica o centro do governo berlinense e alemão. Do outro lado do parque está localizado o Zoológico de Berlim, aquele mesmo do urso Knut que conquistou fãs em todo mundo. Os ursos por sinal estão por toda parte em Berlim em forma de estátuas coloridas de aproximadamente 2m de altura, espalhadas pelas calçadas da cidade. O zoológico de Berlim, inaugurado em 1844, ocupa uma área de 35 hectares e hospeda mais de 17 mil animais de 1.600 espécies diferentes; é um passeio imperdível, especialmente no verão.

São muitos os pontos de interesse relacionados a 2ª Guerra Mundial como uma seção do muro de Berlim de 200m de comprimento ao lado da exposição permanente “Topografia do Terror” que mostra os detalhes da opressão nazista durante a guerra. Uma torre de observação do lado oriental, próximo a Potsdamer Platz e um posto de controle do lado ocidental conhecido como Checkpoint Charlie, além de diversos museus dedicados ao assunto como o DDR Museum que mostra como era a vida na antiga Alemanha Oriental, conhecida como Deutsche Demokratische Republik ou República Democrática da Alemanha.

Topografia do Terror 2

Topografia do Terror – Muro e sede da Gestapo

Uma das principais atrações de Berlim é o Memorial dos Judeus Mortos da Europa, também conhecido como Memorial do Holocausto. Trata-se de uma área de 19 mil metros quadrados que antes fazia parte da “faixa da morte” quando o muro de Berlim existia. O memorial consiste de 2.711 blocos de concreto cinza escuro, quase preto, distribuídos em fileiras paralelas sob uma superfície ondulada. Os blocos não mostram nenhum texto, nome ou foto. Medem 2,38m de comprimento por 0,95m de largura e a altura varia de 0,2m até 4,8 metros. Muitos dos caminhos formados também são ondulados e contribuem para intenção do arquiteto que justificou seu projeto dizendo “para produzir uma atmosfera confusa e intranquila, e toda a escultura visa representar um sistema supostamente ordenado que perdeu o contato com a razão humana”.

E para quem gosta de passeios, Berlim oferece diversas opções, como passeios de bicicleta, de barcos pelos canais, várias linhas de ônibus turísticos e inclusive um passeio de Trabant, aquele carrinho muito comum na antiga Alemanha Oriental que inundou a Alemanha Ocidental de alemães orientais ávidos por encontrar parentes e amigos após queda do muro.

Berlim é uma cidade fantástica, não só pela história riquíssima, mas também pelo momento atual. Não apenas um destino turístico imperdível, mas também uma excelente opção de estudo, trabalho e vida.

Anúncios

DEIXE UM COMENTARIO - LEAVE A REPLAY

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s